sexta-feira, 22 de junho de 2018

Estreia Canastra Suja




- Exibido na Mostra de São Paulo em 2016 e premiado em festivais no Brasil e no exterior, o filme dirigido por Caio Sóh mergulha no cotidiano do subúrbio carioca e traça um retrato sem retoques de uma família cercada por todos os lados pela derrota.

Marco Ricca é Batista, manobrista de um hotel, levado pela mulher e os três filhos a buscar a ajuda de um grupo de apoio para se livrar do alcoolismo. É um homem rude, com dificuldades de relacionamento com Pedro (Pedro Nercessian) e mais carinhoso com as duas filhas, Emília (Bianca Bin) e Rita (Cacá Ottoni), que é autista. Maria (Adriana Esteves) é uma dona de casa sufocada pela rotina e pela desesperança. O borracheiro Tatu (Davi Junior), namorado de Emília, ganha muito dinheiro fora de sua oficina com uma atividade misteriosa e interfere no núcleo familiar.

Quando Batista parece estar se encaminhando para uma nova vida, Pedro, que trabalha com o pai, é acusado de roubar o celular de um morador do hotel. Os dois são demitidos e a família perde o eixo. Como cartas em um jogo de buraco, a história de cada personagem interferirá na de outro ao serem sobrepostas. Até o último lance, com um final inesperado.

(Por Neusa Barbosa, Alysson Oliveira e Luiz Vita, do Cineweb)

Estreia: O AMANTE DUPLO




- Dirigido pelo experiente diretor francês François Ozon, “O Amante Duplo” percorre alguns dos caminhos explorados na extensa filmografia do realizador, unindo o erotismo e o suspense psicológico, numa livre adaptação do livro “The lives of twins”, de Joyce Carol Oates.

Ozon retoma a parceria com a atriz Marine Vacth, sua protagonista em “Jovem e Bela” (2013), desta vez como Chloé, uma jovem atormentada por dores abdominais supostamente psicossomáticas, levando-a a recorrer ao terapeuta Paul (Jérémie Renier). A terapia funciona e, de quebra, os dois se envolvem romanticamente, indo morar juntos.

Um dia, Chloé descobre que seu namorado tem um sósia perfeito, Louis (também Renier). Igualmente terapeuta, este suposto irmão gêmeo de Paul é seu exato oposto. Tudo que em Paul é delicadeza, em Louis se transforma em agressividade. Chloé vê-se confundida e, finalmente, atraída pelos dois.

Agropecuária lidera geração de empregos formais em maio em Goiás


Por: 


A agropecuária goiana voltou a registrar números positivos na geração de empregos formais no mês de maio, segundo divulgou o Cadastro Geral de Empregos e Desempregados (Caged), nesta quarta-feira (20). Com um saldo de mais de 1.567 de empregos, o setor ficou à frente dos setores de Indústria de Transformação (+869), de Serviços Industrias de Utilidade Pública (+95), de Extração Mineral (+87) e do setor de Serviços (+73). Já os setores da Construção Civil e do Comércio registraram quedas, de 957 e 629 postos de trabalho.

“O Estado registrou um pequeno saldo positivo de 1.111 empregos formais no mês, que somado aos crescimentos registrados nos quatro primeiros meses do ano resultou em saldo total de +29.220 empregos formais em 2018”, destaca o analista técnico do Instituto para o Fortalecimento da Agropecuária de Goiás (Ifag), Cristiano Palavro.

No acumulado do ano, a agropecuária já soma mais de 10.823 novos postos de trabalho, o que corresponde a 37% do resultado total obtido pelo estado em 2018. Entre os municípios goianos, os maiores saldos até o momento têm sido obtidos por Cristalina (+3.117), Goiânia (+2.655), Anápolis (+1.810), Goianésia (+1.727), Quirinópolis (+1.222), Morrinhos (+1.201), Jataí (+1.098) e Rio Verde (+1.095).

Bruna Marquezine embarca para a Rússia ao lado da irmã de Neymar

FolhaPress


Bruna Marquezine finalmente embarcou rumo à Rússia nesta quinta (21) para acompanhar o jogo do namorado, Neymar, de perto. Ele joga nesta sexta-feira (22) pela seleção brasileira, na partida contra a Costa Rica.

A atriz e a irmã do craque, Rafaella, pegaram o mesmo voo —na primeira classe— no aeroporto de Guarulhos e foram tietadas por fãs, que publicaram fotos delas nas redes sociais.

Como grava a novela "Deus Salve o Rei" no Rio, Marquezine precisou passar a noite de quarta em um hotel em São Paulo. Ela aproveitou para contratar um serviço de manicure em seu quarto.

Para conseguir a folga, inclusive, a atriz mergulhou em uma rotina intensa de gravações nos últimos dias.

Ela narrou a maratona de trabalho em suas redes sociais. "Essa daqui já foi, risca essa daqui pelo amor de Deus. Falta uma, está tranquilo", disse ela no vídeo em que aparece mostrando uma lista de cenas.

A assessoria da novela confirmou que houve uma mudança nas gravações. "A produção conseguiu fazer um desenho de roteiro que permitiu um respiro para todos os protagonistas que estão gravando muito". No entanto, a Globo não informou se essa mudança ocorreu por conta de Marquezine, que interpreta a vilã Catarina na trama das 19h.

A seleção brasileira está hospedada em Sochi, cidade litorânea que sediou os Jogos Olímpicos de Inverno em 2014. O hotel é parte de um complexo esportivo que abrigou a delegação russa na época.

Presidente do TSE ameaça anular eleições influenciadas por fake news


                                                    Foto:Divulgação

O presidente de TSE (Tribunal Superior Eleitoral), Luiz Fux, afirmou nesta quinta-feira (21) que a legislação brasileira prevê a possibilidade de anulação de eleições se o resultado for influenciado pela difusão de informações falsas -as chamadas fake news.

O ministro entende que o Código Eleitoral traz essa definição. Um dos dispositivos da lei prevê a anulação da eleição que for "viciada de falsidade". "O artigo 222 do Código Eleitoral prevê que, se o resultado de uma eleição qualquer for fruto de uma fake news difundida de forma massiva e influente no resultado, prevê inclusive a anulação", disse.

O ministro ressaltou que essa possibilidade só poderá ser efetivada após análise de um acervo de provas e depende de um conhecimento profundo do efeito provocado no pleito pela informação falsa. Candidatos que se sentirem penalizados terão que acionar o Poder Judiciário.

"Quem entender que a eleição deva ser anulada com base nesse dispositivo vai provocar a Justiça, vai ter a sua fase probatória, vai ter intervenção do Ministério Público. Cada parte vai trazer a sua verdade e o juiz, no final, quando ele decidir, traz a verdade do estado jurídico", explicou.

Divergência Em seminário que debateu o tema das fake news, o presidente do TSE divergiu do ministro de Relações Exteriores, Aloysio Nunes, sobre a possibilidade de se combater a disseminação de notícias falsas.

"Eu tenho a impressão que é praticamente nula a possibilidade de se acabar com esse tipo de conteúdo", afirmou Aloysio durante discurso. Minutos depois, Fux usou a palavra e, sem citar nomes, disse que não acredita ser impossível combater as fake news e que tem trabalhado para isso.

"Discursos derrotistas passam do outro lado da rua. Aqui não. Aqui, temos a certeza que vamos combater com eficiência as denominadas fake news. [...] Que desânimo é esse? Parece um desânimo limítrofe à leniência", disse. Com informações da Folhapress.

“Não trabalho com hipóteses”, diz Nelsinho sobre apoio a Fábio Trad


                                         Foto:Divulgação


O ex-prefeito de Campo Grande e pré-candidato ao Senado Federal Nelsinho Trad (PTB) afirmou não raciocinar com hipóteses, se referindo à possível candidatura do irmão, deputado federal Fábio Trad (PSD), ao governo de Mato Grosso do Sul e ao apoio, ou não, na campanha em outubro.Na edição de hoje(22) do jornal Correio do Estado.

O deputado declarou deixar o nome à disposição, se algum dos três pré-candidatos ao governo, no caso, o governador Reinaldo Azambuja (PSDB), André Puccinelli (MDB) ou Odilon de Oliveira (PDT) desistirem das candidaturas. “Se um dos três desistir, eu deixo meu nome como uma das possibilidades para concorrer ao cargo. Mas apenas nessa hipótese, porque, se só dois disputarem, será um jogo de cartas marcadas”, afirmou.

Nelsinho diz não acreditar na possibilidade de uma desistência e, por isso, vê como improvável a candidatura do irmão ao governo. “Primeiro, é bom esclarecer que o Fábio condicionou essa situação a uma mudança do quadro atual, situação essa que eu acho pouco provável”, disse.

quinta-feira, 21 de junho de 2018

Croácia domina e Argentina se complica na Copa


Gazeta Esportiva                Foto:AFP

A Argentina ficou mais distante das oitavas de final na tarde desta quinta-feira. Mostrando uma equipe com os mesmo problemas da estreia, apesar das três mudanças de Jorge Sampaoli no time titular, Messi e companhia viram o goleiro Caballero entregar um gol para Rebic, no começo do segundo tempo, e sucumbiram com o bom futebol do adversário. Liderados pelos ótimos Modric, autor do segundo gol, e Rakitic, autor do terceiro, os croatas dispararam 3 a 0 em Nizhny Novgorod.

O triunfo com autoridade dos croatas classificou a equipe para as oitavas de final da Copa do Mundo pela primeira vez desde a histórica campanha de 1998, quando caíram nas semifinais para a anfitriã França. O time dos Balcãs tem seis pontos conquistados enquanto a Argentina tem apenas um. Islândia, com um, e Nigéria, zerada, enfrentam-se às 12h (de Brasília) desta sexta-feira, em Volgogrado.

Na próxima rodada, a última da chave, os europeus cumprem tabela diante da Islândia enquanto os sul-americanos tentam evitar um vexame contra a Nigéria, ambos às 15h (de Brasília) da terça-feira. A única certeza é que, para passar de fase, os argentinos precisarão ganhar dos africanos.


Croácia assusta e Argentina perde chance

O primeiro tempo começou em alta velocidade, com os croatas pressionando a saída de bola e quase abrindo o placar aos quatro minutos de bola rolando. Perisic recebeu pela esquerda, invadiu a área com certa liberdade e chutou cruzado, exigindo a primeira grande intervenção de Caballero na Copa do Mundo para que o placar não fosse aberto tão rapidamente.

Depois de dez minutos sofrendo para criar oportunidades, os hermanos conseguiram uma oportunidade muito boa em bola rebatida na entrada da área, quando Meza tocou por cima da zaga para Messi, que não alcançou a bola por alguns centímetros, já dentro da pequena área.

Aparentemente mais ambientada com o novo esquema e menos nervosa pela possibilidade de complicar sua classificação, a seleção-sul-americana quase abriu o placar em uma escapada de Acuña. O canhoto brigou pela bola com Vrsaljko e conseguiu roubá-la dentro da área, chutando em cima de Subasic. Na sobra, porém, Enzo Pérez, mesmo sem marcação, chutou para fora, sem goleiro.

O jogo começou a ficar um pouco mais nervoso, com faltas fortes pelos dois lados. O único punido, porém, foi Rebic, por solada em Salvio. Antes do intervalo, outras duas boas chances croatas desperdiçadas: Primeiro Mandzukic, livre dentro da área, escolheu o canto mais difícil e cabeceou para fora. Depois Rebic, em contra-ataque, recebeu de Rakitic e, após limpar Mercado, chutou por cima do gol.

Caballero entrega e Argentina sucumbe

A Argentina voltou para o segundo tempo com a mesma proposta de jogo, apostando em uma escapada de Messi ou Aguero na frente, mas viu seu plano sucumbir antes dos dez minutos. Os tranquilos croatas lançaram uma bola longa, Mercado tomou a frente de Rebic e recuou para Caballero. O goleiro tentou devolver de primeira, por cima do atacante, mas pegou mal na bola e viu Rebic, sem deixá-la cair, abrir o placar.

O gol desmontou a estratégia argentina e fez com que Sampaoli passasse a usar todas as alternativas disponíveis no seu banco de reservas. O primeiro a entrar foi Higuaín, que quase deu passe para gol de Meza, mas Subasic fez a defesa. No rebote, o atleta do Independiente ajeitou para Messi chegar chutando, mas Rakitic, preciso, conseguiu travar a jogada.

O treinador ainda tentou com Pavón e Dybala, mas a exposição da defesa pagou seu preço. Após perda de bola no meio-campo, Modric ficou muito tempo livre na entrada da área e, após certa demora de Rakitic, recebeu. O craque do Real Madrid cortou a marcação duas vezes e abriu espaço para, de direita, acertar o canto direito de Caballero e ampliar a vantagem.

Os argentinos ainda ameaçaram em boa jogada de Dybala, driblando dois adversários e travado em cima da hora por Lovren. Quem ficou mais perto do gol, no entanto, foi mesmo a Croácia. Rakitic, que foi bastante frio ao ignorar chute de Otamendi quando estava caído e não cair na provocação do rival, primeiro acertou o travessão em cobrança de falta. Depois, nos acréscimos, sem goleiro, fechou o placar.

FICHA TÉCNICA
ARGENTINA 0 X 3 CROÁCIA

Local: Estádio Nizhny Novgorod, em Nizhegorodskaya (Rússia)
Data: 21 de junho de 2018 (Quinta-feira)
Horário: 15h(de Brasília)
Árbitro: Ravshan Irmatov (Uzbequistão)
Assistentes: Abduxam Rasulov (Uzbequistão) e Jakhongir Saidov (Uzbequistão)
Cartões amarelos: Mercado, Otamendi e Acuña (Argentina); Rebic, Mandzukic, Vrsaljko (Croácia)
Gols:
CROÁCIA: Rebic, aos oito, Modric, aos 35, e Rakitic, aos 46 minutos do segundo tempo

ARGENTINA: Caballero; Mercado, Otamendi e Tagliafico; Salvio (Pavón), Mascherano, Pérez (Dybala), Acuña e Messi; Meza e Agüero (Higuaín)
Técnico: Jorge Sampaoli

CROÁCIA: Subasic, Vrsaljko, Lovren, Vida e Strinic; Rakitic, Modric, Perisic (Kovacic), Rebic (Kramaric) e Brozovic; Mario Manzukic (Corluka)
Técnico: Delic Zlatko